Publicado em Deixe um comentário

GOLPE NO IPVA: DETRAN-ES ALERTA PROPRIETÁRIOS SOBRE SITES FALSOS E FRAUDES EM BOLETOS

O Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran-ES) emitiu um alerta sobre um novo golpe relacionado ao pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). O órgão informou que os criminosos criaram sites fraudulentos, que se assemelham ao portal oficial do Detran, e promovem os links através de anúncios patrocinados, enganando os contribuintes a pagar boletos falsos.

Os pagamentos das taxas, que começaram em abril e podem ser parcelados em até seis vezes, devem ser feitos sempre pelo site oficial do Detran-ES para evitar fraudes. O órgão enfatiza que nunca envia cobranças via SMS, e-mail ou Correios, e também não tem sites patrocinados. Além disso, foi implementada a opção de quitar débitos por meio do Pix. Ao utilizar essa modalidade, é fundamental confirmar que o destinatário é realmente o Detran antes de finalizar a transação.

Se, ao escanear o QR Code, aparecer um nome diferente do órgão de trânsito, o pagamento não deve ser concluído. A mesma orientação vale para boletos não apenas do IPVA, mas também de outras taxas, como multas de trânsito e licenciamento. O alerta reforça a importância de os proprietários de veículos estarem atentos e verificarem cuidadosamente a legitimidade dos destinatários para evitar cair nesses golpes.

Publicado em Deixe um comentário

CNH DIGITAL: COMO IDENTIFICAR E EVITAR FRAUDES NA INTERNET

Recentemente, um esquema fraudulento tem se espalhado pela internet, oferecendo Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) digitais falsificadas, representando um sério risco para os consumidores. Esta fraude envolve a venda de acesso não autorizado a aplicativos da CNH Digital, que são oficialmente fornecidos pelo governo federal desde 2019.

A fraude funciona da seguinte forma: os criminosos prometem fornecer uma cópia digital da CNH que pode ser usada para várias finalidades, como reservar hotéis e comprar passagens aéreas. Para isso, solicitam dados pessoais dos interessados. Depois de fornecer essas informações, a vítima recebe um aplicativo modificado para instalar em seu smartphone.

As CNHs Digitais falsificadas parecem autênticas à primeira vista, com um design convincente e um código que imita o oficial, utilizado para verificar a autenticidade do documento. No entanto, ao escanear este código, os usuários são redirecionados não para os dados de registro do condutor, mas para um site externo e suspeito.

A detecção desta fraude veio à tona quando um condutor foi abordado pela Polícia Rodoviária Federal em Porto Alegre, portando uma CNH digital ilegítima. Este incidente resultou na prisão do motorista e alertou as autoridades sobre a circulação deste tipo de documento falso.

É importante destacar que tanto a produção quanto o uso de documentos falsificados são crimes, sujeitos a penas que variam de dois a seis anos de reclusão, além de multas e pontos na carteira de habilitação.

Para proteger-se contra fraudes digitais, é essencial seguir algumas medidas de segurança:

  1. Não forneça dados pessoais a fontes não confiáveis.
  2. Desconfie de ofertas que pareçam boas demais para ser verdade.
  3. Instale aplicativos apenas das lojas oficiais e verifique as avaliações e comentários.
  4. Verifique sempre a autenticidade de documentos digitais por meio dos sistemas oficiais fornecidos pelo governo.

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) reforça que seu sistema oficial de emissão da CNH Digital é seguro e, até o momento, não houve registros de invasões ou vazamentos de dados. Esteja atento e proteja suas informações pessoais para evitar cair em golpes cibernéticos.

Publicado em Deixe um comentário

FRAUDES COM VOZES CLONADAS: CRIMINOSOS UTILIZAM INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL PARA ENGANAR VÍTIMAS NA AMÉRICA LATINA

A partir de julho de 2023, uma tendência tem se espalhado por diversos países da América Latina. Criminosos têm adotado o uso de sistemas de Inteligência Artificial para clonar vozes de familiares, a fim de executar extorsões, fraudes e golpes cada vez mais sofisticados.

De acordo com informações do Publimetro México, esse novo método de abordagem representa uma evolução das artimanhas utilizadas em golpes anteriores, nos quais os criminosos se passavam por familiares ou conhecidos. Contudo, esse novo cenário é marcado por uma abordagem ainda mais engenhosa.

Nos casos mais extremos, os criminosos fazem referência a laços familiares próximos e até mesmo incorporam terceiros que fingem ser filhos, filhas, mães ou outros entes queridos, a fim de convencer as vítimas de que estão lidando com uma situação real, como um sequestro.

No passado, era relativamente simples evitar essas armadilhas. A presença física da pessoa ou até mesmo a discrepância na voz eram indicadores claros de fraude. No entanto, com a emergência dos sistemas de Inteligência Artificial Gerativa, a complexidade desse cenário aumentou consideravelmente, uma vez que essas plataformas são capazes de imitar vozes de maneira praticamente perfeita.

É importante notar que a tecnologia atual ainda não permite uma replicação precisa da voz em tempo real absoluto. Isso resulta em atrasos ou pausas entre diálogos, a menos que as respostas sejam predefinidas e gravadas, o que limita a flexibilidade do diálogo durante a chamada de extorsão.

Diante disso, a melhor abordagem é estar atento a possíveis atrasos ou interrupções no fluxo da conversa. Recomenda-se também alterar a sequência natural do diálogo, visando interromper o fluxo premeditado pela chamada. Outras dicas incluem observar se a voz soa mecânica e se há presença de eco na chamada, o que pode indicar manipulação por Inteligência Artificial.

Quando o tom e o ritmo da chamada parecerem estranhos, é fundamental atentar-se à possível falta de naturalidade nas respostas ou ausência de variações típicas na articulação das palavras para o contexto apresentado. Em todas as situações, é essencial manter a cautela ao receber ligações de números desconhecidos ou identificados como “Desconhecido”.

Jamais se deve fornecer informações financeiras durante essas chamadas, e a atitude mais segura é encerrar a ligação e entrar em contato com o suposto familiar sem ceder ao desespero. Em alguns casos, pode levar algum tempo para confirmar a veracidade da situação, e é preferível aguardar algumas horas para garantir que tudo esteja realmente bem e que se tratou de um mal-entendido.